Engasgo em Cães: o que fazer?

Engasgo ou obstrução de vias aéreas por corpo estranho, é o bloqueio da traqueia do animal por alimento, objeto estranho ou vômito. É considerado uma emergência e pode levar o animal à morte por asfixia.

Nessa situação, deve-se agir, rápido e precisamente, para evitar complicações !

O engasgo é uma manifestação do organismo para expelir o alimento ou objeto que toma um caminho errado. Na parte superior da laringe localiza-se a epiglote que funciona como uma porta que permanece aberta para permitir a chegada do ar aos pulmões e se fecha quando engolimos algo, isso para bloquear a passagem do alimento para os pulmões e encaminhá-lo ao estômago.

Causadores de engasgos em cães

Grãos de arroz, pedaços de frutas, bolinhas de gude, pilhas e baterias, tampas de canetas, peças de brinquedos, moedas, pregos, parafusos, balas, água, etc.

Normalmente os animais sofrem de engasgo quando estão comendo ou bebendo, pode ser causado por um susto ou algo do tipo, ou então pelo fato de simplesmente o alimento ter tomado o caminho errado.

Como agir com engasgo por corpo estranhoManobra de Heimlich

A dica é antes de qualquer ação, manter a calma!

Na espécie humana, o tapa nas costas, e até mesmo a manobra de Heimlich, que consiste em posicionar-se atrás da pessoa engasgada e abraçá-la na altura do estômago, dando empurrões para cima e para dentro ao mesmo tempo para comprimir o abdômen contra os pulmões forçando o desbloqueio da garganta é utilizada.

Fazendo uma projeção para os cães, podemos realizar esta manobra também!

A ação de um veterinário nessa hora é fundamental, portanto, se você acha que seu cãozinho está engasgando ou mesmo se tiver alguma dúvida em relação aos sintomas, ligue imediatamente para o seu veterinário, pois ele vai te orientar em relação aos primeiros socorros.

Dr. Marcos Fernandes
CRMV-SP 7287

Veterinário homeopata, psicanalista e mestre em saúde pública pela USP (SP). Comunicador da Rádio Mundial (95,7 FM) no programa Saúde Animal. Autor do livro “Cara de Um, Focinho do Outro” da Editora Butterfly

Gostou desse artigo? Deixe seu comentário!
Compartilhe também com suas amigas e passe a informação adiante.

Até a próxima