Aromaterapia Vibracional em Cães

Aromaterapia é um ramo da fitoterapia que consiste no efeito que os aromas das plantas podem fazer terapeuticamente no indivíduo (Homem ou animal). Este tratamento (complementar) é baseado na utilização dos óleos essenciais (“hormônios de plantas”) e sua prática teve origem no Egito.

Medicina Vibracional é a intervenção de diferentes vibrações num campo em que a energia está desequilibrada para fins de cura, tendo como conseqüência o retorno ao seu equilíbrio normal, segundo o professor Dr. Richard Gerber.

Turmalina Negra: A presença da pedra de turmalina negra no frasco, potencializa a ação da aromaterapia.

Mecanismo de Ação

O mecanismo de ação é através da inalação dos óleos essenciais que geram impulsos neurológicos através de sua ação no sistema límbico (cérebro) ativando a memória olfativa, facilitando o acesso as emoções e ao seu tratamento.

Aromaterapia: Efeito nos Cães

Os animais, por terem o olfato muito desenvolvido reagem de forma mais rápida e efetiva que o Homem, por exemplo no caso dos cães a sensibilidade olfativa é cerca de 20 vezes maior que a do Homem.

Ele parece ter sua ação também nos centros de energia (Chakras) e no campo àureo dos animais, potencializando outros tratamentos através do equilíbrio físico-emocional.

AromaterapiaModo de Uso

Borrifar em toda a casa (3 vezes ao dia), especialmente nos locais em que o animal mais tempo permanece, primeiramente o frasco de cor verde e em seguida o laranja.

Indicações

Este produto é indicado para o tratamento do ambiente ao qual o animal está submetido, beneficiando-o através do seu mecanismo de ação. Ele atua como um modulador de comportamento, especialmente nos quadros psíquicos e psicossomáticos principalmente, tais como:

Quadros Psíquicos

– Ansiedade
– Ansiedade de separação
– Medos (andar de carro, tempestade, trovão, rojões, etc)
– Excessos de latidos
– Estresse

Quadros Psicossomáticos

– Transtornos Obcessivos Compulsivos:
Dermatoses Psicogênicas
Onicofagia (hábito de comer unha), tricotilomania (hábito de arrancar os pêlos), entre outras

– Doenças de caráter crônico em que há necessidade de melhorar estado emocional do paciente, tais como: diabetes, câncer, doenças auto-imunes e dermatites.

IMPORTANTE: Este é um tratamento que deverá ser utilizado de forma complementar a outros tratamentos! Consulte sempre o seu veterinário para uma avaliação completa sobre o seu cãozinho e melhor indicação de tratamento.

Dr. Marcos Fernandes
CRMV-SP 7287

Veterinário homeopata, psicanalista e mestre em saúde pública pela USP (SP). Comunicador da Rádio Mundial (95,7 FM) no programa Saúde Animal. Autor do livro “Cara de Um, Focinho do Outro” da Editora Butterfly

Gostou desse artigo? Compartilhe com suas amigas e passe a informação adiante.
E deixe também o seu comentário!

Até a próxima