Cão Possessivo, o que fazer?

Muitos tutores relatam que seus cães são possessivos e tem problemas relacionados ao ciúmes, seja do próprio tutor, de um brinquedo, enfim, a possessividade do animal em muitos casos chega a níveis altos, gerando alguns transtornos.

Essa possessividade pode ter origem nos ancestrais do seu melhor amigo, que precisavam defender o alimento e território para sobreviver. Em muitos casos, ainda nas primeiras semanas de vida, é possível notar esse comportamento de alguns filhotes com seus irmãos e até com o seu tutor.

O sentimento de posse que o animal pode ter com o seu tutor é algo que incomoda bastante e trás problemas na relação.

Os cães são animais que quando viviam em matilha tinham no grupo um líder, desta forma, o comportamento dos outros animais eram sempre influenciados por este que liderava.

Normalmente cães ciumentos ou possessivos não encontram no ambiente ao qual estão submetidos, esta figura (líder), que deveria então ser incorporada pelo tutor do animal, na medida que, os cães não vivem mais em condição de matilha.

Desta forma, o animal se coloca na posição de poder e de autoridade potencializando esta característica do comportamento mais ciumento e possessivo, que muitas vezes já é do temperamento do mesmo.

Outra questão importante é que o animal, na medida que, se identifica com os seu tutor, o copia em tudo, inclusive no comportamento. Desta forma, tutores possessivos e ciumentos tendem a ter animais com estas características também.

Há na medicina complementar (homeopatia ou terapia floral), medicamentos que podem ajudar o animal, minimizando este comportamento, além do adestramento e da mudança de postura do (s) tutor (es) em relação ao animal, que também são decisivos para melhorar esta situação.

Dr. Marcos Fernandes
CRMV-SP 7287

Veterinário homeopata, psicanalista e mestre em saúde pública pela USP (SP). Comunicador da Rádio Mundial (95,7 FM) no programa Saúde Animal. Autor do livro “Cara de Um, Focinho do Outro” da Editora Butterfly

Gostou desse artigo? Compartilhe com suas amigas e passe a informação adiante.
E deixe também o seu comentário!

Até a próxima